Monday, August 15, 2011

...sem querer(te)

Photo taken from here

...quero-te sem querer
nas escassas memórias em que ter-te foi vão
indiscreto em lassidão
loucas imagens feridas a arder em papel pardo
onde embrulhámos os nossos sonhos enfezados pelo rumor desse amor que gritámos
de olhos cheios de lágrimas
na esperança de querer ter sem querer
esquecimentos fortuitos nas minhas mãos

...rogo as horas perversas imensas submersas no meu peito
enlaçes de tudo no nada rarefeito das nossas palavras
quero não querer
ter
em frágeis sentidos retoquei os traços que desfiz
diz
que a vida é apenas um caroussel
trôpego e a cair aos pedaços qual feira abandonada no monte em chamas da imaginação dos pobres
diz
que o certo seria ter-te por perto e rondar a rua agarrados aos candeiros a petróleo sem luz
diz
que as escolhas que fiz
faço
teimosamente repasso de mim para mim
são as nossas supostas falhas certas como quem passa por aqui ou por ali e sorri
e repito
não quero querer-te sem querer quando os segundos passam a horas e dias anos
desarmamentos em guerras roucas de plágios

...diz que te desfiz como boneco de trapos esquecido em cima da cama feita de lavado no quarto vazio da escória das futuras miragens de enleites de volúptia
porque
...quero-te sem querer
nas escassas memórias em que ter-te foi vão.

2 comments:

davidhuxtable-reid said...

Hello, I'm the photographer of the above piece of work and I cannot see where you have linked my work to the original site http://www.redbubble.com/people/redtree/works/6201130-i-need-a-hug
My name is David Huxtable-Reid and the above picture is my copyright.

Ines Guerreiro said...

Hello David,
I am sorry if i offended you or your work, as a freelancer writter and artist i respect the works of others like me and it wasn't my intention grab ur rights. I'm gonna put the link of the photo below her, but if you prefer i can remove it from here, just tell me.
Best wishes,
Ines Guerreiro